Frete Grátis para compras acima de R$ 249,99 | 6% de desconto via PIX

V-TLbLxSxU5jli0xFBcnwh4hXpljMj3wJxWfOqXHxiu_osseE9P9luc66YqI8qNod92qUP4cilxPnxItiX5Yi8fUXtE-QYgzo75HGwebI0cmcQtqOR7wdsIUxhd-7PQ-xTepzG5t2i012VauvHKDIJE

Primeiro é necessário sempre entender que qualquer tipo de recomendação de dieta, treinos deve ser feita por profissionais de saúde.


Muitas pessoas se enganam quando acham que está no seu limite natural apenas por comer muito e treinar todos os dias e chegar em um platô. E para entendermos melhor como atingir nosso potencial máximo, devemos seguir três passos:

- Treino
- Alimentação adequada
- Descanso

Treino: Antes de tomarmos essa decisão devemos saber que o nosso corpo ele sempre tende a se "acostumar" com os estímulos físicos oferecidos a ele, então para não atingirmos essa fase, devemos sempre oferecer novos estímulos físicos, como: nova série de treino, progressão de carga, cadência, descanso e entre outros, para isso devemos consultar um profissional da área.

Alimentação: Devemos compreender que nosso corpo é uma máquina e como uma ferrari que precisa da melhor gasolina, também precisamos dos melhores alimentos para termos um desempenho melhor. Consulte um nutricionista, faça exames, siga uma dieta e use suplementação para atingir seu potencial máximo.

Descanso: Essencial para a evolução física de quem treina, pois é durante o período de descanso que o corpo se recupera e se adapta aos estímulos do treinamento.


Quando você se exercita, especialmente com treinamentos de força e musculação, você está causando pequenas lesões nos seus músculos e tecidos, o que é normal e faz parte do processo de treinamento. Essas lesões estimulam o corpo a se adaptar e se tornar mais forte, porém, para que isso aconteça, é necessário que o corpo tenha.